O Mural Coletivo da Restauração entrou no novo ano de cara renovada, resultado da convocatória lançada no passado mês de dezembro para a sexta fase de intervenções artísticas neste projeto rotativo e de caráter anual, integrado no Programa de Arte Urbana do Porto.


Para esta nova intervenção, a empresa municipal Ágora – Cultura e Desporto do Porto recebeu 24 propostas de um total de 22 artistas de cinco nacionalidades, todos residentes em território nacional.


O júri, composto pelo artista urbano Hazul (curador do programa), Patrícia Costa e Miguel Sousa selecionou os projetos dos artistas Inês Arisca, Pablo Cidad, André Eiras, Paula Rezende, Gustavo Carreiro, Rute Costa e Sphiza (Filipa Fonseca).


Tal como na anterior fase, manteve-se a regra de utilização de uma paleta comum a todos os artistas, de forma a criar uma homogeneidade visual no mural. Para esta versão, foram sugeridas cores quentes.


O resultado está agora à vista de todos e pode ser apreciado nos 14 módulos da parede de sustentação dos Jardins do Palácio de Cristal, estendida ao longo de 70 metros na Rua da Restauração - Mural da Rua da Restauração.


Mais artigos

  • Ágora - Cultura e Desporto do Porto


    Atualizado pela última vez 2022-01-10