As salas de espetáculos da cidade vão antecipar, já a partir de hoje, o horário das sessões, de forma a permitir que o público possa conciliar o usufruto da oferta cultural com o cumprimento do dever cívico de recolhimento. 


"Continuamos abertos, começamos mais cedo" é o mote do comunicado subscrito pelo Teatro Municipal do Porto e por dezenas de outros espaços culturais do país, incluindo o Teatro Nacional São João. Face à entrada em vigor das atuais medidas de combate à pandemia de Covid-19, estas estruturas vão manter-se abertas, embora com ajustes aos seus horários de funcionamento. 


Desta forma, não só poderão manter-se de portas abertas ao público, garantindo a continuidade da oferta cultural apesar das circunstâncias, como o farão seguindo todas as regras de segurança para os espectadores e os profissionais envolvidos, permitindo uma conciliação com as restrições impostas. 


Nesse sentido, já a partir de hoje, as salas de espetáculos irão antecipar o horário das suas apresentações, de forma a permitir que o público possa cumprir o dever de recolhimento domiciliário decretado pelo Conselho de Ministros. 


Os novos horários poderão ser consultados no site de cada um dos teatros. No caso dos dois polos do Teatro Municipal do Porto - Teatro Municipal - Rivoli e Teatro Municipal - Campo Alegre - os ajustes nos horários traduzem-se numa antecipação das sessões da noite para o final da tarde. Assim, entre 4 e 15 de novembro, as sessões agendadas de segunda a sexta-feira, às 21 horas, passam a realizar-se às 19,30 horas.

 

Aos sábados e domingos mantêm-se os horários habituais, às 19 e 17 horas, respetivamente. As sessões de cinema da Medeia Filmes, no Campo Alegre, também irão sofrer alterações, contando apenas com uma sessão diária, às 18,30 horas. Os novos horários poderão ser consultados online no site do Teatro Municipal do Porto.


A estreia da peça Estro/Watts - Poesia da idade do Rock, do Teatro Experimental do Porto, realiza-se de 6 a 8 de novembro, já no âmbito destes novos horários. O espetáculo, com direção de Gonçalo Amorim e Paulo Furtado (The Legendary Tigerman), pode ser visto no Rivoli, na sexta-feira (6 de novembro), às 19,30 horas, e sábado (7 de novembro), às 19 horas. No domingo (8 de novembro), às 17 horas, haverá uma sessão simultaneamente em sala e online.

Mais artigos

  • Câmara Municipal do Porto


    Atualizado pela última vez 2020-11-04