Gosta de visitar cidades onde pode explorar lugares ligados à Natureza? O Porto disponibiliza uma simbiose, quase perfeita, entre meio urbano e espaços verdes, com uma grande variedade de jardins e parques a explorar.


Pronto para descobrir a Natureza do Porto? Estará à sua espera quando tudo melhorar.

Camélias no Porto

A cidade invicta reconhece a Camélia como a sua flor. Em março, mesmo antes do início da primavera, a camélia começa a florir em vários pontos do Porto. Caso esteja de visita à cidade nesta altura, convidamo-lo a visitar alguns lugares reconhecidos pela beleza das suas camélias como o Parque das Virtudes, Jardins do Palácio de Cristal e o Jardim Marques de Oliveira .


Jardim Botânico

Na zona da Marginal e da Boavista, poderá encontrar um lugar que respira biodiversidade: o Jardim Botânico.


No Jardim Botânico, irá deslumbrar-se com os seus 4 hectares repletos de variedade de espécies muito distintas. Jardins formais, com altas sebes de camélias centenárias, jardins de plantas xerófitas, com estufas tropicais, de catos e orquídeas, e muitas outras espécies exóticas.


A combinação perfeita entre natureza e saber. 


Parque da Cidade do Porto

Com 83 hectares, o Parque da Cidade do Porto é o maior parque urbano do país com uma extensão até ao Oceano Atlântico, o que o torna bastante raro e único a nível mundial.


A sua densa área verde e extensão, tornam o Parque perfeito para passeios com os animais de estimação, piqueniques em família ou momentos de fitness podendo correr, livremente, entre as cidades do Porto e Matosinhos sentindo a frescura e brisa da natureza. 


Jardim do Passeio Alegre

Entre a Foz e a Marginal e Boavista, poderá deslumbrar-se com o encantador Jardim do Passeio Alegre. Ladeado por uma Alameda de Palmeiras, este jardim data do século XIX e beneficiou da participação de Emíle David no seu ajardinamento.


Para além da sua beleza e riqueza natural, aqui poderá admirar elementos arquitetónicos de grande valor, como dois Obeliscos de Nasoni, oriundos da Quinta da Prelada, divertir-se com um campo de minigolfe e desfrutar de concertos filarmónicos.


Autor: Filipa Brito

Parque de S. Roque

Se for à Zona Oriental da cidade, irá encontrar um lugar bastante peculiar: o Parque de S. Roque. Com mais de 4 hectares, há vários encantos e recantos a explorar neste Parque.

O jardim ostenta características românticas com elementos bastante em voga no século passado como, minaretes, sebes, repuxos, fogaréus, etc. Mas, o que realmente chama a atenção dos seus visitantes, é o labirinto de Buxus sempervirens. Aqui fica o nosso desafio para, quando visitar o Porto, vá ao Parque de S. Roque, entre no labirinto e procure a saída. Prometemos que irá proporcionar-lhe um momento de diversão garantida.




Destacámos cinco pontos de interesse do lado mais verde do Porto, mas há muitos mais lugares a explorar: Jardim de Serralves, Parque de Nova Sintra, Jardins do Palácio de Cristal e, muitos mais. Temos a certeza que irá apaixonar-se por cada um deles e, se não conseguir ver todos numa primeira visita, quando tudo estiver melhor, terá sempre mais um motivo para voltar. E, acredite, quem visita o Porto uma vez, fica com a saudade e vontade de só querer voltar.

  • Visit Porto


    Atualizado pela última vez 2021-03-04

Planeie a sua viagem

Chegada

Dotada de uma rede de acessibilidades em franca expansão é possível chegar facilmente à cidade de avião, autocarro, automóvel, barco, comboio ou metro.

História

O Porto é um dos destinos turísticos mais antigos da Europa e a riqueza do seu património artístico, o Vinho do Porto, os vastos espaços dedicados ao lazer e a sua vida cultural são apenas alguns dos motivos que convidam a visitar a cidade.

Informação Prática

Aqui encontra alguns dados essenciais sobre o Porto, bem como a referência a vários serviços públicos e privados disponíveis.

Deslocar-se

É fácil deslocar-se nos limites da cidade com recurso aos transportes públicos ou em viatura própria ou alugada.

Tudo o que precisa de saber