A Extensão do Romantismo do Museu da Cidade ganhou nova vida com a exposição “Metamorfoses: Imanência Vegetal, Mineral e Animal no Espaço Doméstico Romântico”. No edifício da Quinta da Macieirinha, os visitantes podem apreciar objetos - muitos deles pela primeira vez - que fazem parte do amplo legado cultural do antigo museu municipal, marcando uma nova etapa na vida do Museu da Cidade, centrada na apresentação do acervo do Município.


A mostra, com peças vindas de vários núcleos do Museu da Cidade (Casa Guerra Junqueiro e Casa Marta Ortigão Sampaio, antigo Museu Municipal do Porto) e de obras que o Município mantém em depósito no Museu Nacional de Soares dos Reis ou no Museu de História Natural da Universidade do Porto, foca-se no processo de integração do imaginário e da temática vegetal, animal e mineral no espaço doméstico, transformando as salas da Casa da Quinta da Macieirinha num espaço de investigação e de observação, com um amplo conjunto de objetos, já anteriormente apresentados no antigo Museu Romântico e outros nunca antes vistos.


O Museu da Cidade prossegue, assim, a tarefa de apresentar o legado cultural da cidade, com a descoberta de importantes peças do acervo do antigo museu municipal do Porto, inaugurado em 1848, a partir do espólio de João Allen (Museu Allen), colecionador que reuniu e exibiu uma coleção exemplificativa do interesse emergente no século XIX, em torno de esferas do conhecimento muito abrangentes. Muitas destas peças encontram-se em depósito e ao cuidado do Museu Nacional Soares dos Reis.


Durante o período da exposição permanente, serão inseridas periodicamente peças individuais ou núcleos de peças, tornando-a um espaço dinâmico e de descoberta permanente do acervo municipal.


Esta exposição acontece na sequência de um trabalho estrutural em torno da gestão da coleção do Museu da Cidade, desenvolvido há aproximadamente dois anos e meio, que inclui a introdução e consolidação de práticas integradas de conservação preventiva, de inventariação e de controlo e gestão ambiental das diferentes estações do Museu.


O momento marca, também, um primeiro desvelar da Coleção Távora Sequeira Pinto, que será apresentada na futura Extensão do Museu da Cidade, no Matadouro de Campanhã.


Os portadores do cartão Porto. têm acesso gratuito a esta mostra.


A exposição poderá ser visitada, de terça-feira a domingo, entre as 10 e as 17,30 horas. Mais informações aqui.

Mais artigos

  • Câmara Municipal do Porto


    Atualizado pela última vez 2022-04-19