Fado no Ateneu

05/05/2023

O Salão Nobre do Ateneu Comercial do Porto vai abrir as portas ao Fado com a iniciativa “Fado no Ateneu”, a partir deste mês de maio. O público vai poder assistir a sessões musicais de terça-feira a Sábado, às 18h30, com oferta de um cálice de vinho do Porto. Durante o mês de maio, "Fado no Ateneu" recebe a jovem fadista Adriana Paquete como artista residente. Natural da Póvoa de Varzim, canta desde os 12 anos tendo, com essa idade, protagonizado o espetáculo “Annie”, de Filipe La Féria. Lançou em Março o seu primeiro disco “Meu Coração”, que apresenta uma perspetiva singular do fado tradicional, homenageando aqueles com quem aprendeu – Amália Rodrigues, Beatriz da Conceição, Fernanda Maria e António Rocha. A fadista estará acompanhada de André Teixeira, na viola, e de João Martins na guitarra portuguesa, ambos com vasta experiência musical, já tendo tocado em múltiplos palcos e ao lado de prestigiados artistas. Fado no Ateneu continuará a acontecer ao longo do ano com vários artistas numa homenagem a uma das maiores tradições culturais de Portugal, o Fado, num dos salões mais deslumbrantes e histórico de Portugal. O Ateneu Comercial do Porto é uma importante instituição cultural e social da cidade. Fundada no século XIX, a instituição tem como objetivo fomentar a cultura e o conhecimento através de suas atividades sociais, culturais e académicas. Com uma rica história e tradição, o Ateneu Comercial do Porto é um lugar de encontro para artistas.

Dias com Energia

Até 16/12/2023

Tal como em anos anteriores, o programa Dias com Energia passa em outubro para o seu formato de inverno. Mantêm-se as modalidades de pilates, ioga e tai chi, mas as aulas serão transferidas para três pavilhões municipais. Será assim até ao final de abril de 2024. Em todas as manhãs de sábado, podem escolher o horário e o local mais convenientes e juntar-se gratuitamente às sessões. A participação permanece aberta a todos os interessados, mas requer inscrição. Até às 17h00 de cada sexta-feira, devem enviar uma mensagem para geral@desporto.pt indicando o vosso nome e a sessão que pretendem frequentar.

Pista de Gelo e Mercado de Natal na Cordoaria

Até 14/01/2024

Grande parte da programação desta época festiva concentra-se no Jardim da Cordoaria, que se transforma num verdadeiro Bosque Encantado. Irá acolher o habitual Mercado de Natal, com propostas diversas e excelentes presentes para os mais próximos. O espaço acolherá ainda um conjunto de propostas itinerantes, que prometem contagiar com a magia do Natal todos aqueles que se juntarem no local. Há figuras de grandes dimensões, grupos que prometem dar mais cor e ritmo a esta época, oficinas para toda a família e uma oferta diversa de espetáculos de teatro, dança, música, circo e exposições, entre muitos outros. Um dos destaques vai para o regresso da pista de gelo, que ficará instalada no Largo do Amor de Perdição e que fará as delícias de todos os curiosos, mais ou menos experientes. A utilização será gratuita, assim como o carrossel parisiense, que se irá erguer junto ao Mercado de Natal e promete transportar público para memórias de outros tempos. O Natal estende-se ainda ao Mercado do Bolhão, com propostas que aproximam ainda mais as pessoas do espaço recentemente reabilitado, criando momentos de pura magia entre produtos tradicionais e fruta da época. Os mercados de rua da cidade também se vestem de Natal, com produtos alusivos à época e com muitas surpresas. Mas um dos espaços que mais curiosidade suscitará será a Casa do Pai Natal em pleno centro da Cordoaria, que receberá os pedidos de última hora dos mais pequenos…, mas só aqueles que se portaram bem ao longo deste ano! O velhinho das barbas brancas estará lá todos os dias, para ouvir o que queremos neste ano e sermos surpreendidos na noite mais longa do ano, com os desejos mais secretos que só ao Pai Natal confessamos.

Metamorfoses: Imanência Vegetal, Mineral e Animal no Espaço Doméstico Romântico

Até 31/12/2023

4 €

METAMORFOSES foca-se na profusão e no processo de integração do imaginário e da temática vegetal, mineral e animal no espaço doméstico romântico, trazendo para as salas da Casa da Quinta da Macieirinha um amplo número de peças, algumas anteriormente mostradas no antigo Museu Romântico e noutros espaços do Museu da Cidade, outras nunca antes expostas, evidenciando a indiscutível qualidade e diversidade das coleções municipais. Esta montagem marca, igualmente, o começo da evocação do centenário da morte da artista portuense Aurélia de Souza, momento central da programação em 2022/23. O célebre autorretrato da artista enquanto Santo António, realizado em torno de 1902, integrará a nova montagem que reúne pintura, mobiliário, tapeçaria e têxteis, cerâmica, louças e prataria, assim como outros surpreendentes núcleos da coleção como os conjuntos de leques, papéis recortados e de malacologia.