Fonte: Regnault, Nicolas François e Geneviève de Nangis Regnault, All Rights Reserved

Sobre

"Livros são árvores, bibliotecas são florestas" é o nome da exposição desenhada pela equipa de programação do Museu da Cidade.

Esta exposição, a primeira de um conjunto de exposições que têm por base o fundo bibliográfico da Biblioteca, inicia-se pelos segredos do mundo subterrâneo e as diversas formas de afloração à superfície - do imaginário rizomático do mundo vegetal e da sua existência híbrida, entre a luz e a escuridão, o mundo do visível e o submundo, a terra e o ar.

Apresentando livros, páginas de livros, imagens e sons reminiscentes do mundo natural (a botânica, a biologia, as ciências da natureza, mas também a zoologia), a exposição funda-se numa certa circularidade: cortamos árvores para fazer livros, melhor compreender a natureza e guardar a memória da sua exuberância e infinita sabedoria.

Quando

Segunda a sexta: 10h às 18h
Sábado e domingo: 10h às 13h

Galeria

  • Promotor
    Museu da Cidade
  • Audiência Alvo
    Público em Geral
  • Visit Porto

    2020-11-17