O Cultura em Expansão estará de regresso em setembro, depois da interrupção de três meses de atividade, com um novo calendário programático para o último quadrimestre do ano, que integra os projetos que não foram apresentados nas datas inicialmente previstas.


O programa para 2020 foi revisto e recalendarizado pela equipa artística do projeto, em articulação com as quatro estruturas parceiras - a Confederação em Miragaia, a Sonoscopia na Bouça, o Teatro do Frio na Pasteleira e o Visões Úteis em Campanhã - e os múltiplos agentes e artistas envolvidos na edição deste ano. O calendário de apresentações do programa municipal foi alterado no sentido também de integrar os projetos que não foram apresentados nas datas previstas inicialmente, de forma atenta às vicissitudes do contexto atual.


O Cultura em Expansão regressará assim aos seus quatros polos principais - a Junta de Freguesia de Campanhã, o Grupo Musical de Miragaia, a Associação de Moradores do Bairro Social da Pasteleira - Previdência / Torres e a Associação de Moradores da Bouça - levando também um conjunto de atividades a outros locais da cidade com a sua programação satélite.


Da programação de setembro, mês que assinala este reinício, destaca-se a coprodução do Cultura em Expansão "Os Sete Pecados Mortais", do encenador Ricardo Alves, uma colaboração entre o Teatro da Palmilha Dentada e o Teatro Independente de Paranhos, que junta os atores profissionais e amadores das duas companhias a habitantes locais; o espetáculo "Colecção de Amantes", da artista e colecionadora de coisas raras, Raquel André; um concerto do coletivo vocal feminino das Sopa de Pedra; "The Archaic, Looking Out, The Night Knight", solo da artista visual e performer Vânia Rovisco; e "Campanhã é a minha casa", projeto que pretende aproximar a freguesia de Campanhã ao cinema através de três sessões especiais, onde os moradores serão também desafiados a partilharem as suas coleções de filmes e registos de família, que servirão de base à criação de três curtas metragens pelos realizadores Cláudia Varejão, Edgar Pera e Sónia Amen.


A programação multidisciplinar prevista para este ano dará continuidade à missão do projeto e será apresentada na íntegra no próximo mês de julho com detalhes das novas regras de visitação e participação.


Todas as atividades do Cultura em Expansão podem ser seguidas na página de Facebook.

Mais artigos

  • Câmara Municipal do Porto


    Atualizado pela última vez 2020-06-17