Dando continuidade ao ciclo que a sala está a apresentar, o Coliseu Porto Ageas acolhe mais um cine-concerto no dia 14 de novembro, às 17h30. “Amor de Perdição”, clássico do cinema assinado por Georges Pallu, conta com a interpretação da Orquestra Metropolitana de Lisboa, sob a direção musical do maestro Cesário Costa.

 

Começou como obra literária, uma das mais lidas e estudadas nas escolas, assinada por Camilo Castelo Branco e editada no século XIX (em 1862). Continua, ainda hoje, a ser um marco da literatura nacional, estudada e lida nas escolas, demonstrando o carácter atual da produção literária.

 

A história de um romance proibido protagonizado por Simão, Teresa e Mariana acabou por chegar ao grande ecrã, com a adaptação deste clássico para cinema, graças ao esforço feito pela Invicta Film. “Amor de Perdição”, de Georges Pallu, foi a primeira versão cinematográfica da obra e estreou a 9 de novembro de 1921, no Cinema Olímpia, no Porto. A rodagem do filme deu-se entre março e junho de 1921, dividindo-se entre os Solares da Portela e dos Condes da Regaleira, Casa do Engenho Novo em Porto Brandão e a Universidade de Coimbra, respeitando a indumentária estudantil de então.

 

A famosa sequência do namoro à janela, retomada pela versão de Manoel de Oliveira, em 1979, é uma das melhores soluções narrativas que se pode encontrar nos filmes do realizador francês.



Parceria entre várias entidades 


Para este cine-concerto, a partitura original de Armando Leça foi reconstruída e adaptada pelo pianista e compositor Nicholas McNair. Esta adaptação surgiu após um trabalho de transcrição e estudo crítico das fontes existentes levado a cabo pelos musicólogos Manuel Deniz Silva e Bárbara Carvalho, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Para o efeito, foram convidados vários solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa que, sob a direção musical do maestro Cesário Costa, darão música (voz e corpo) a este clássico mudo de 1921, com três horas de duração.

 

Os bilhetes estão à venda na bilheteira do Coliseu Porto Ageas ou em Ticketline, e podem custar até 14€.

Mais artigos

  • Ágora - Cultura e Desporto do Porto


    Atualizado pela última vez 2021-11-03