Enquanto se constrói uma parte do que será o futuro da Praça da Liberdade, a cidade expõe-se como o Porto de sempre: “vivo, vibrante e inesquecível”. “O Metro dá-te Liberdade” é o conjunto de fotografias de Alfredo Cunha que decoram os mais de 700 metros quadrados de tapumes que vedam as obras de construção da Estação S. Bento/Liberdade da nova Linha Rosa do Metro.


São, ao todo, 12 imagens inéditas que um dos mais conceituados e premiados fotógrafos portugueses tem em exibição, naquela que é considerada a “sala de visitas” da cidade.


Assumindo que “os trabalhos de expansão da rede do metropolitano ocupam e, necessariamente, condicionam a utilização integral e habitual do espaço público da Praça da Liberdade e de parte da Avenida dos Aliados”, a Metro do Porto resolveu transformar “esta limitação numa oportunidade para a divulgação cultural e turística, partilhando com os cidadãos e com os visitantes a exposição de algumas das mais impressionantes fotografias do Porto”.


As fotografias, que este ano vão integrar o livro “Porto Cidade das Pontes”, acompanhadas de textos de David Pontes, diretor adjunto do jornal Público, sublinha a Metro do Porto, “têm a particularidade de serem exibidas a cores, o que é uma novidade e uma nova perspetiva, uma vez que o seu autor privilegia, por norma, o preto e branco”.


Conhecido por ter feito algumas das mais históricas e marcantes imagens do 25 de Abril de 1974, Alfredo Cunha trabalhou nos principais jornais nacionais e chegou a ser o fotógrafo oficial dos Presidentes da República Ramalho Eanes e Mário Soares, além de ter testemunhado, através da lente, alguns dos acontecimentos mundiais mais relevantes das últimas décadas.

Mais artigos

  • Câmara Municipal do Porto


    Atualizado pela última vez 2022-01-05