Programas de Ensino, Formação e Investigação

Ensino e Investigação
Imagem:  Fac. Ciências - U.PortoCC BY-NC-SA - Alguns Direitos Reservados

​Na cidade do Porto o ensino superior público é assegurado pela Universidade do Porto e o Instituto Politécnico do Porto (entidades com notoriedade internacional). O ensino superior privado e concordatário está a cargo de diversas instituições de ensino e bem posicionado nos rankings internacionais, com especial destaque para a Universidade Católica Portuguesa. A qualidade e reputação dos estabelecimentos de ensino e dos cursos que integram a oferta do ensino superior são razões determinantes na escolha dos jovens estrangeiros que encontramos, hoje, a viver no Porto. 

Anualmente milhares de jovens, oriundos dos vários quadrantes do mundo, chegam ao Porto para estudar nos nossos estabelecimentos de ensino superior ao abrigo de diversos programas de ensino, investigação e formação.

  • Ensino superior formal e educação e formação profissional de nível superior, da licenciatura ao doutoramento:
    • Erasmus – programa que apoia a mobilidade de estudantes, pessoal docente e pessoal não docente na Europa. Promove ainda as relações entre instituições de educação superior através de programas intensivos, redes académicas e estruturais e projetos multilaterais. Deverá ser consultada a universidade de origem para informação sobre a possibilidade de realizar Erasmus no Porto (Portugal).
    • Erasmus Mundus - programa que apoia projetos de cooperação e mobilidade, de mestrado e doutoramento, entre a Europa e países terceiros. Deverá ser consultada a universidade de origem para informação sobre a possibilidade de realizar Erasmus no Porto (Portugal).
    • Fulbrigt - programa de intercâmbio educacional para estudantes, professores e investigadores, administrado pela Comissão Cultural Luso-Americana – Comissão Fulbright, resultado de acordo diplomático assinado entre o Governo Português e o Governo dos Estados Unidos da América.
    • Acordos de Cooperação com Países Lusófonos e Latino-Americanos – da responsabilidade do Serviço de Cooperação com Países Lusófonos e Latino-Americanos (SCPLLA), da Universidade do Porto, inteiramente dedicado a dar execução à missão de relacionamento com a comunidade lusófona e da América Latina, no âmbito da  cooperação interuniversitária no domínio da internacionalização e mobilidades académicas.
    • Programa de Licenciaturas Internacionais - financiado pelo Governo do Brasil, através das agências de Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), suportando projetos de melhoria do ensino e da qualidade na formação inicial de professores de ensino básico no Brasil. O Programa de Licenciaturas Internacionais (PLI) visa especificamente a concessão de grau pela Universidade de Origem no Brasil e pela Universidade do Porto, portanto, dupla-titulação. Os estudantes PLI permanecem 2 anos/24 meses na Universidade do Porto.
    • Programa Ciência sem Fronteiras - financiado pelo Governo do Brasil, através da agência de Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ). Programa de dimensão internacional que prevê a concessão de até 75 mil bolsas até 2015, das quais cerca de 6 mil se destinam a Universidades em Portugal. 
    • Programa Santander Universidades - envolve a cooperação entre o Banco Santander e uma rede de mais 900 universidades na América Latina, China, EUA, Espanha, Marrocos, Portugal, Reino Unido, Rússia e Singapura, com a dinamização de bolsas de estudo e de mobilidade internacional. Nos últimos 5 anos académicos (2007/2008 a 2011/2012), 253 estudantes (250 brasileiros) estudaram na Universidade do Porto e 163 estudantes da Universidade do Porto realizaram um período de mobilidade em universidades da América do Sul.  
  • Ensino secundário:
    • Comenius – programa de dirigido às escolas secundárias da rede pública e profissional da cidade e que traz ao Porto centenas de jovens, entre os 15 e os 18 anos, idade média de início e termo do secundário, para participar neste intercâmbio que estimula a permuta de saberes e experiências culturais no espaço da União Europeia. Deverá ser consultado o estabelecimento de ensino de origem para informação sobre a possibilidade de conhecer o Porto integrado num programa Comenius.

Para informações sobre a oferta específica de cada estabelecimento de ensino consultar a informação disponível e os contactos em:

Data publicação 20-05-2013